É tempo de passeios virtuais, então esqueça filas, lugares lotados e ingressos concorridos. Alguns dos mais interessantes atrativos culturais, artísticos e históricos já oferecem a possibilidade de visitar suas galerias, exposições e ambientes sem que você precise sair do conforto do seu lar.

Claro que nada sobrepõe uma visita presencial, mas os passeios virtuais pelo mundo permitem o acesso tranquilo a um rico material didático, com conteúdos explicativos e dinâmicos, capazes de possibilitar uma maior apreciação das peças e lugares. 

Passeios virtuais pelo mundo

Os principais espaços de arte e história do mundo possuem um acesso livre pela internet, seja suas salas, acervo ou do próprio edifício. Divirta-se em casa fazendo passeios virtuais!

1 – Grande Mesquita Sheikh Zayes (Abu Dhabi | Emirados Árabes) 

Difícil de não ter a curiosidade de saber como é uma mesquita por dentro, ainda mais sendo a terceira maior do mundo. A arquitetura inspirada nos antigos palácios persas, otomanos e mouros fazem dela um lugar ímpar. Tapetes, mosaicos, vitrais, cúpulas e minaretes podem ser observados nos mínimos detalhes durante a visita virtual. Ligue o som e aproveite a música! 

Acesso virtual a Grande Mesquita Sheikh Zayes!

2 – Parque Nacional de Vulcões do Havaí (Havaí | EUA)

Surreal! Sim, esse tour preparado pelo Google, envolvendo os principais parques nacionais americanos é totalmente incrível. No total são cinco passeios virtuais nas unidades de preservação, mas escolhi apresentar diretamente o Parque Nacional de Vulcões do Havaí. O passeio mostra penhascos, cavernas e até lavas. O ponto máximo é sobrevoar o vulcão ativo. A experiência é melhor aproveitada com fone de ouvido, pois o som ambiente complementa o visual.

Acesso virtual ao Parque Nacional de Vulcões do Havaí!

3 – Auschwitz-Birkenau (Cracóvia | Polônia) 

Passeio virtual em Auschwitz
Auschwitz oferece um passeio virtual bem didático e completo

Para quem tem curiosidade de saber como é, existe no site do museu um passeio virtual que leva pelos principais pontos do complexo. Auschwitz foi um campo de concentração onde ocorreu o maior extermínio em massa de judeus na história da humanidade. Conto um pouco de como funciona a visita presencial em uma matéria exclusiva aqui no Zanzemos. Existe uma estimativa de que mais de 1,3 milhão de pessoas foram mortas no local. Estive pessoalmente visitando o local e conto um pouco sobre a sensação em um post especial.

Acesso virtual ao Complexo Auschwitz! 

4 – Museu Afro Brasil (São Paulo | Brasil) 

Adentrar o Museu Afro Brasil, mesmo que virtualmente, é ter a possibilidade de conhecer a perspectiva africana que constitui a formação, identidade e cultura brasileira. Com o apoio do Google Arts & Culture, um parte do acervo do museu está disponível na internet. São gravuras, pinturas, esculturas e fotografias de autores brasileiros e estrangeiros, que abordam diferentes temáticas. Dentre as exposições online que mais gostei destaco a “Espírito da África”, que traz imagens de Alfred Weidinger sobre reis e chefes que atuam no continente africano.

Acesso virtual ao Museu Afro Brasil!

PLANEJAMENTO DE VIAGEM: 
Viajar com a Buser é confiável?  
Como economizar para viajar? 5 dicas imperdíveis!  
– Hospedagem em Hostel: guia completo!  

 5 – Tumba de Menna (Luxor | Egito)  

Já pude vivenciar a experiência única de adentrar em uma tumba e a sensação é extraordinária. Esta na cidade de Luxor, fica bem na antiga Tebas e é pertencente a 18ª dinastia, entre 1550 e 1295 a.C..  Durante a imersão virtual conseguimos perceber as cores, os detalhes e a riqueza arquitetônica que fazem da civilização egípcia, única.

Acesso virtual a Tumba de Menna!

6 – Museu da Frida Kahlo (Cidade do México | México)

Em um imenso quintal cheio de espécies nativas e obras de arte, fica a La Casa azul, local onde a pintora Frida Kahlo nasceu, viveu e morreu. Tudo ali remete a sua intensidade, seja pelas cores ou os objetos que faziam parte da sua cotidianidade. Foi ali que ela teve momentos únicos de um amor turbulento com o muralista Diego Rivera. Estive por lá e conto tudo nesta matéria aqui do Zanzemos. Mas, além do presencial também é possível fazer o passeio virtual. Ele é completo e bem fácil de usar. Complementando a área multimídia, é possível assistir um pequeno documentário contando a história do Museu.

Acesso virtual ao Museu da Frida Kahlo!

7 – Galerias Romanas da Rua da Prata (Lisboa | Portugal) 

Não é todo mundo que sabe, mas Lisboa guarda um grande segredo: as Galerias Romanas da Rua da Prata. O Museu de Lisboa abre apenas uma vez no ano, inscrições para 4 dias de visitas neste espaço. O passeio presencial dura apenas 20 minutos e só é realizado devido a retirada de água pelos bombeiros municipais. Como se deve imaginar, é algo super disputado, mas agora é possível explorar o espaço sem sair de casa, com uma visita 3D. 

O local foi construído durante a ocupação romana pelo imperador Augusto, entre os séculos I a.C e I d.C., porém só foi descoberto em 1770. 

Acesso virtual as Galerias Romanas da Rua da Prata!

Seguro Viagem America Do Norte

8 – Muralha da China (Jinshanling a Simatai | China) 

Uma das maiores e mais impressionantes estruturas da antiguidade, a Grande Muralha da China também está disponível para visitas pela internet. Com mais de 2 mil anos de história e 5 mil quilômetros, a caminhada virtual agrega apenas 10 quilômetros, mas é o necessário para poder contemplar a vista e estrutura original do local.

Acesso virtual a Muralha da China!

9 – Museus do Vaticano (Vaticano)

A beleza arquitetônica e artística dos museus instalados dentro do Vaticano podem ser visitados em uma plataforma de passeios virtuais própria, tudo no ângulo de 360 graus. Além de poder dar zoom nos detalhes das peças, todas as imagens possuem alta resolução. O destaque com certeza é a Capela Sistina, que pode ser visitada dentro da aba Museus.

Acesso virtual a Capela Sistina!

10 – Museu do Futebol (São Paulo | Brasil)

Museu do Futebol em São Paulo
Para os amantes da bola, visitar a área online do Museu do Futebol é uma boa pedida

É difícil explicar essa paixão pela bola que move milhares de brasileiros e brasileiras. Aqui por essas bandas, ao nascermos praticamente herdamos dos nossos pais o time do coração, sofremos a cada campeonato mundial (melhor não falar do 7X1) e se não gostamos de futebol, pelo menos sabemos que quarta de noite e domingo de tarde é dia de jogo.⠀

Ele está inserido em nossa cultura, por isso conhecer o Museu do Futebol em São Paulo, é também uma maneira de visitar as nossas raízes. Sobre a visita presencial tem matéria aqui no Zanzemos. Já com a Google Arts and Culture podemos ter acesso a uma série de exposições virtuais que fazem parte do acervo do museu.

Acesso virtual ao Museu do Futebol!

11 – Casa de Anne Frank  (Amsterdam |  Holanda) 

A história de Anne Frank, uma das mais famosas vítimas da perseguição nazista aos judeus durante a Segunda Guerra Mundial chocou o mundo. A adolescente deixou documentado em seu diário os dois anos em que esteve trancada com sua família em um esconderijo, antes de serem descobertos. O local fica em Amsterdam, na Holanda e hoje se transformou em um museu, como eu mostrei aqui. No site da instituição é possível conhecer virtualmente cada um dos espaços do “Anexo Secreto”, com vídeos e explicação dos objetos.

Acesso virtual a Casa de Anne Frank! 

12 – Museu da Amanhã (Rio de Janeiro | Brasil) 

Um dos mais belos cartões postais modernos do Rio participa do projeto do Google Arts Culture. Na plataforma é possível conferir as exposições online que falam sobre as principais questões que movem a humanidade.⠀

Acesso virtual ao Museu do Amanhã!

13 – Museu Hermitage (São Petersburgo | Rússia) 

Museu Hermitage na Rússia
O Museu Hermitage da Rússia possui uma plataforma própria de passeio virtual

Se um visitante resolvesse olhar por um pequeno instante cada uma das mais de 3 milhões de obras do Hermitage, passaria anos dentro do museu. Localizado em São Petersburgo, a Rússia, o Palácio de Inverno dos Romanov é enorme. Para se ter uma ideia, são cinco grandes prédios, que serviam de residência para os czares. 

Sua coleção de peças com famosos pintores começou a ser montada pela Catarina, A Grande. Obviamente que o acesso era particular e restrito. Apenas com a Revolução Russa é que os bolcheviques decidiram abrir as portas do palácio e transformar em um popular museu. O passeio virtual no site oficial do museu é feito em inglês e é dividido em completos e galerias. O meu destaque é para o The Diamond Room e o The Gold Room.⠀

Acesso virtual ao Museu Hermitage! 

14 – Museu Arqueológico Nacional (Atenas | Grécia) 

Já o principal museu da Grécia oferece passeios virtuais pelo acervo, com informações e imagem detalhada sobre as principais peças, entre elas estátuas, vasos e artefatos da pré-história. Há uma ala destinada apenas a arte do Antigo Egito.

Acesso virtual ao Museu Arqueológico Nacional de Atenas!

15 – Templos de Ayutthaya (Aytthaya | Tailandia) 

Patrimônio Mundial pela UNESCO, Ayutthaya é a antiga capital da Tailândia. Repleta de ruínas de antigos templos, é possível encontrar uma diversidade de Budas, muitos decapitados. O mais famoso deles é o que está no Wat Mahathat, que é a cabeça do Buda envolto aos galhos de uma grande árvore. Há também a grande imagem do Buda Reclinado.

Acesso virtual aos Templos de Ayutthaya!

PLANEJE A SUA VIAGEM!