Melhores cafeterias do centro de Sao Paulo
16.10.2019 7 melhores cafeterias do centro de São Paulo

Não tem como pensar no crescimento da capital paulistana sem levar em consideração a importância do café para a região. Por isso, apreciar uma das 7 melhores cafeterias do centro de São Paulo é também uma maneira de se aprofundar na história viva da cidade, já que apenas a partir do sucesso de suas plantações é que foi possível o grande desenvolvimento econômico e a transformação urbana da região.

As 7 melhores cafeterias do centro de São Paulo estão localizadas dentro de uma área chamada de Triângulo SP, região que envolve os principais prédios históricos da cidade e locais importantes como o Largo do Café, onde antigamente eram realizadas a compra e venda das sacas. Desde sempre o café faz parte da rotina diária de milhares de brasileiros, principalmente os paulistanos que, entre uma atividade ou outra, gostam sempre de tomar uma xícara.

7 melhores cafeterias do centro de São Paulo

Na virada do século retrasado, o Brasil era responsável por cerca de 80% de toda a produção mundial de café. Hoje esse número mudou, mas o país continua liderando o mercado, sendo o maior produtor e exportador do grão. Para apreciar um pouco dessa história, confira a lista com as principais cafeterias da região: 

Café do Pateo

Junto ao Museu Anchieta, no complexo do Pateo do Collegio, local onde marca o nascimento da cidade, está o Café do Pateo. Instalado próximo ao jardim com grandes árvores e uma atmosfera bem calma e tranquila, ele é ideal para quem gosta de história já que, no mesmo ambiente está a mais antiga obra da cidade, a parede de taipa de pilão, datada de 1585. 

No café, o carro chefe são os grãos da Fazenda Pessegueiro, de Mococa na região mogiana, onde o  processo de manejo é todo artesanal.

Café Girondino

Ele tem um ar nostálgico da elegância dos antigos cafés da cidade, com móveis em madeira, luminárias retrô e uma grande escada em formato circular na parte central do salão. No Café Girondino, tudo remete ao início do século passado, mas suas instalações são novas. Localizado em frente ao Mosteiro de São Bento, ele é ideal para quem se arrisca a acordar cedo em um domingo de manhã para apreciar o canto gregoriano, como contamos na matéria especial no Zanzemos. 

Casa Mathilde

A Casa Mathilde não possui uma tradição no centro de São Paulo, mas é um dos locais mais deliciosos da região, já que trabalha com os típicos doces portugueses. A marca vem da Fábrica de Queijadas, que foi fundada em 1850, no concelho de Sintra, em Portugal. Não deixe de provar o doce mais popular da casa, os pastéis de nata. Se der sorte, vai conseguir ver os funcionários preparando as gostosuras na cozinha com parede de vidro, bem no fundo do salão. 

Café Martinelli

Dá para fazer um passeio duplo: ir conhecer o mirante do edifício, localizado na cobertura junto ao palacete onde vivia o antigo dono do prédio, Giuseppe Martinelli, e depois, se deliciar com um dos cafés do estabelecimento: tradicionais ou orgânicos. 

O Café Martinelli está localizado no térreo do Edifício Martinelli, que durante anos foi o maior arranha-céu de São Paulo. Inaugurado em 1993, ele possui mesas e alguns objetos de decoração que fazem parte dos anos de glória do prédio. O mais interessante é que ele está instalado no mesmo lugar onde funcionava famoso Café Brandão, antes mesmo que o Martinelli tivesse sido construído. 

Tem matéria especial sobre o Edifício Martinelli aqui no Zanzemos. Confira como agendar o passeio para fazer a visita!

Casa Godinho

Sem dúvida um dos lugares que mais amo na cidade por conta de suas deliciosas empadas. O Conselho Municipal da Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental de São Paulo (CONPRESP) declarou a Casa Godinho como Patrimônio Cultural Imaterial da Cidade. Fundada em 1888, o local é uma espécie de empório super tradicional que mantém toda a arquitetura original. 

Inaugurado na Praça da Sé, depois de alguns anos ele foi transferido para a parte térrea do Edifício Sampaio Moreira, o primeiro arranha-céu da cidade. O ambiente é pequeno, um pouco escuro e as mesas não possuem cadeiras, mas mesmo assim faço questão de ir. 

Fazenda Café

Em frente a Faculdade de Direito da USP, no Largo São Francisco, o Fazenda Café triunfa. Em um pequeno salão bem iluminado, cheio de mesas de madeira e plantas, ele oferece um ambiente bem gostoso. Há uma variedade de grãos de café e também de acompanhamentos, que podem ser uma generosa fatia de bolo. Eles servem também almoço. Já comi uma massa inesquecível por lá! 

Booking.com

Flashback Café

Prédio onde está o café Flashback
Edifício do CCBB, onde está localizado o Flashback café

Instalado dentro do Centro Cultural Banco do Brasil, um edifício construído em 1901, o Flashback Café é local de descanso não apenas para quem vai conferir uma exposição ou assistir um filme, mas também para as inúmeras pessoas que circulam pelos prédios comerciais da região. 

Oferecendo uma variedade de grãos de diversa regiões cafeeiras do país, ele traz em seu cardápio o Jacu, um dos mais raros do Brasil. Eu que gosto muito de café coado costumo pedir o forte, que vem como todo o aparato para ser feito na mesa, na hora. 

Bônus: melhores cafeterias do centro de São Paulo.

Padaria Santa Tereza

Da janela é possível ver a Catedral da Sé
Vista da janela superior da Padaria Santa Tereza

Ela não poderia ficar de fora da lista das melhores cafeterias do centro de São Paulo. A mais antiga padaria do Brasil, inaugurada em 1872, está localizada na parte de trás da maior igreja de São Paulo, a Catedral da Sé. 

Ideal para tomar aquele tradicional pingado com pão na chapa no balcão, a Padaria Santa Tereza possui um ambiente bem despojado. Porém, ao subir as escadas a atmosfera muda, com um belo salão que tem como vista as costas da igreja. 

PLANEJE A SUA VIAGEM!

Avatar

Olá, meu nome é Thatiane Ferrari

Jornalista especializada em cultura. Já zanzei por mais de 35 países, na maioria das vezes sozinha e com o orçamento curto. Decidi reunir aqui minhas andanças pelo mundo, com o objetivo de compartilhar e estimular a ideia de menos consumo e mais vivência. Viajar é possível, basta planejar!

Estreia do Trip-Encontro no Hostel Ô de Casa

Trip-Encontro em São Paulo: Zanzemos presente!

por: Thatiane Ferrari
E quando seus desejos e vontades de conhecer o mundo não podem ser compartilhados e a única alternativa é partir sozinho? Para falar sobre a aventura de viajar só, é que aconteceu no dia 2 de mai...
Bairro da Liberdade em São Paulo

Coisas para fazer em São Paulo: 47 dicas!

por: Thatiane Ferrari
É incrível como a capital paulista, uma das cidades mais cosmopolitas do mundo consegue ser tão diversa e plural. Seus números impressionam. Ela possui 109 parques e áreas verdes, 158 museus, 138...