No meu papel como jornalista e viajante, penso muito sobre como auxiliar na divulgação de projetos que envolvam o turismo de forma social. Foi por isso que escolhi conhecer o Elephant Nature Park, um centro de resgate de animais, localizado em Chiang Mai, no norte da Tailândia.

Dirigido pela tailandesa Sangduen “Lek” Chailert, o santuário cuida de bichos que sofreram maus tratos em atrações turísticas, carregamento de carga, agricultura e até mesmo vítimas do tráfico de marfim.

São animais que precisam de uma atenção especial dada as suas condições físicas e psicológicas. Por lá encontrei diversos elefantes: deficientes visuais, sem patas por ter pisado em bomba, sem orelha, com complicações na coluna, com sérios problemas mentais…

Se por um lado é difícil acreditar na espécie humana, que maltrata animais tão indefesos, por outro existem pessoas como Lek, que dedicam suas vidas para fazerem a diferença no mundo!

Elefantes vítimas de maus tratos

Pata reconstituída após contato com mina terrestre

Porque visitar o Elephant Nature Park?

Por toda a Ásia existem inúmeros locais que oferecem a experiência de estar próximo dos maiores mamíferos terrestres do nosso planeta. O fato é que nem todas essas instituições realmente são sérias no cuidado diário, muitas visam apenas o lucro e utilizam os animais como meros joguetes de entretenimentos.

No Elephant Nature Park eles são tratados como animais, não tem essa história de gente andando em cima deles, não. Nem tem pausa para showzinho ou jogos. Ao todo são 75 elefantes que vivem livres e soltos em um grande gramado e nós, visitantes, apenas auxiliamos no trabalho diário do tratador, dando comida e banho (além de amor).

 

Passeio com elefantes

Contato com respeito e auxiliando nas atividades diárias dos animais

Elefante asiático – A importância de existir santuários

Em toda a Ásia o número de elefantes não ultrapassa 30 mil. Sim, eles já são considerados uma espécie em processo de extinção. E para reverter esse quadro é um pouco difícil. Para se ter uma ideia, a gestação de uma fêmea dura 22 meses, uma dos mais longas de todo o reino animal.

É preciso citar que atualmente na Tailândia existem apenas de 3 a 4 mil elefantes em toda a região. Metade deles vivem de maneira selvagem nas Reservas dos Parques Nacionais locais e a outra metade são domesticados e exercem função de trabalho. Segundo estudos do Elephant Nature Park em média 300 sofrem maus tratos em grandes cidades.

 

Elefantes tomam banho no rio

Os visitantes podem auxiliar na hora do banho dentro do rio

 

Um elefante asiático pesa em torno de 3 a 5 toneladas, o que, para manter seu porte físico, requer de 200 a 300 quilos diários de alimentação (folhagens e frutas) e mais de 100 litros de água. Ou seja, em grande centros urbanos e sem um cuidado específico os animais passam fome e sede. O estresse, o contato com poluição, a perturbação sonora por conta da audição sensível, são apenas algumas das torturas a que eles são diariamente submetidos.

 

Bananas e melancias para animais

Parte da alimentação diária dos animais

 

O Elefante teve durante muito tempo um lugar importante na sacralidade e na cultura tailandesa, porém o que acontece é que por lá eles não são considerados animais silvestres, então é comum famílias terem seus próprios elefantes, utilizando-os para serviços domésticos e profissionais.

 

 

Seguro viagem asia 728x90


Como visitar o Elephant Nature Park?

A minha experiência com a Elephant Nature Park começou cerca de dois meses antes quando comprei o meu ingresso pela internet. Pelo menos no mundo virtual a visita é bem disputada, já não havia muitas vagas. Não sei se é possível comprar em Chiang Mai em alguma agência de turismo.

 

Elefantes resgatados de maus tratos

Soltos, bem alimentados e felizes



Escolhi o Single Day, um programa que inclui o transporte, a visita e o almoço (com comida asiática e algumas opções internacionais). Vale ressaltar que o passeio é todo feito em inglês. No momento da compra é importante informar o endereço da sua hospedagem ou escolher partir do escritório da organização, localizado no centro da cidade em Chiang Mai. No site pagamos apenas 50% para reservar o ticket e só acertamos o total no dia do passeio. É possível também trabalhar como voluntário dentro do Elephant Nature Park por 7 dias, mediante o pagamento de uma taxa.

 

Elefante resgatado no Elephant Nature Park

Elefante cego resgatado por maus tratos

O passeio começa cedo. Uma van com capacidade para 15 pessoas faz todo o trabalho de traslado. Dentro do carro é exibido um documentário bem didático explicando o funcionamento do local. Ao chegar já somos encaminhados para a plataforma de observação, onde tudo acontece. Esse é o momento realmente mágico, pois é o primeiro contato que teremos com o animal. Logo o tratador acompanha o elefante próximo ao grupo e um por vez pode alimentá-lo com frutas.

yH5BAEAAAAALAAAAAABAAEAAAIBRAA7 - Conheça o Elephant Nature Park na Tailândia

Depois começamos a fazer um reconhecimento no imenso gramado até os grupos de elefantes. Tudo realmente é muito livre e aberto, por isso é recomendado ter bom senso na hora de interagir com o animal. Recebemos instruções de como se aproximar e tocar.

 

Elefante toma banho de lama

Hora do banho de lama

 

Na parte da tarde, levamos os elefantes para tomar banho no rio dentro da propriedade. Cada visitante ganha um balde. Confesso que foi o momento mais divertido do passeio. É muito legal ver o momento que eles acabam de tomar banho e vão se jogar na lama. Importante não esquecer de ir com roupas confortáveis e que possa molhar, já que entramos no rio junto com os elefantes na hora do banho. Boné, protetor solar e repelente são itens necessários.

Como viajante consciente acho importante investirmos nosso tempo e dinheiro em entidades que realmente acreditamos. Estando lá pude ver de perto o comprometimento deles com os animais. Ter o contato direto com os elefantes foi uma experiência ímpar na minha vida. Inesquecível!

 

yH5BAEAAAAALAAAAAABAAEAAAIBRAA7 - Conheça o Elephant Nature Park na Tailândia

PLANEJE A SUA VIAGEM!

Booking.com